Em balanço, Fábio fala de reajuste para servidores, redução de impostos e obras

Em balanço, Fábio fala de reajuste para servidores, redução de impostos e obras

Na manhã desta quarta-feira, 1º de março, o governador Fábio Mitidieri foi entrevistado no Jornal da Fan, da rádio Fan FM. Na ocasião, ele falou sobre a possibilidade de reajuste de salários de servidores, bem como a redução da carga tributária e a licitação de uma nova ponte em Aracaju.

“O nosso objetivo é agora em abril apresentar uma proposta de reajuste linear para todos os servidores públicos e a questão da periculosidade já começar a pagar no segundo semestre uma parte dela. Essa é a expectativa, a gente vem trabalhando junto à Secretaria da Fazenda para que a gente possa fazer um aumento linear, recuperando gradativamente as perdas que a gente teve ao longo dos anos. Claro que os servidores ficaram 10 anos sem reajuste, tiveram muita perda, voltaram a ter no ano passado com o governo de Belivaldo. A gente quer, mesmo com esforço, ir repondo isso”, pontuou Fabio sobre o reajuste salarial para servidores públicos.

Questionado sobre obras estruturantes, o governador revelou que irá licitar a construção de uma nova ponte para a Capital, ligando o bairro Coroa do Meio a Avenida Tancredo Neves.

“Ainda nesse semestre, a gente vai licitar a primeira das pontes, que é a Coroa do Meio a avenida Tancredo Neves, em Aracaju. Uma obra de quase R$ 300 milhões. Já estamos conversando com os bancos que têm linha de crédito para isso, com a melhor taxa, o melhor prazo, Sergipe graças a Deus tem capacidade de endividamento que suporta isso. Esse ano a gente já começa estudo de viabilidade técnica e a gente espera que assim que esse estudo for concluído, possamos entrar em negociação com financeiras”, disse o gestor.

Por fim, após indagação do deputado estadual Georgeo Passos sobre o ICMS em Sergipe, Fábio colocou a possibilidade de redução da alíquota para alguns produtos, caso o Estado obtenha vitória no Supremo Tribunal Federal no mês de abril.

“Interessante, a gente está falando aqui em dar reajuste e, ao mesmo tempo, baixar o imposto, como é que fecha? Mas, do ICMS a gente conseguiu a vitória na Justiça referente ao passado, mas a gente espera que conquiste mesmo a vitória no Supremo agora em abril sobre a questão da essencialidade dos combustíveis. A gente conseguindo uma vitória na Justiça que não é aguardada, a gente consegue discutir com o setor produtivo a questão do modal. Não acredito que a gente consiga reduzir para os 18%. Mas vai permitir que a gente consiga reduzir o ICMS para vários produtos”, finalizou Fábio Mitidieri.

Via Fanf1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MemberPress Pro