Neste momento, corre o prazo definido pelo presidente da Câmara Municipal de Lagarto (CML), vereador Amilton Fontes (PSC), para inscrições das chapas que deverão disputar a Mesa Diretora da Casa para o último biênio desta legislatura – que se inicia somente em 2023.

Historicamente, o pleito em questão ocorre semanas ou até dias antes da posse e o início dos trabalhos. Desta vez, porém, os vereadores interessados em concorrer as próximas vagas disponíveis para presidente, vice-presidente, 1º ou 2º secretários, tem até a manhã desta quinta-feira (8) para se inscreverem.

Em primeiro ato normativo do ano, Amilton antecipou na tarde desta terça as eleições da Câmara. O documento foi assinado pelo vereador-presidente, pelo 2º secretário Vilânio do Treze (PSC) e por um dos funcionários efetivos da CML.

Tendo em vista o ineditismo do tema, O Papa-Jaca procurou Fontes para justificar a decisão que antecipa em dois anos a eleição da Mesa, mas não obteve qualquer posicionamento desde a tarde de ontem. Já nesta manhã, nossa equipe procurou o vereador Vilânio, que atendeu. Todavia, informou que estaria ocupado no momento e pontuou que “é direito de vocês [da imprensa]” noticiar sobre o cotidiano político.

Regimentalmente, a decisão final sobre o tema pertence ao presidente, tendo ele de seguir apenas o prazo determinado para inscrição de chapas. Neste caso, o voto é secreto. Parte da situação acusa Amilton, em grupos de troca de mensagens, de tentar garantir sua permanência na presidência até as eleições municipais de 2024.