Chaina Santos Oliveira, ex-aluna do Colégio Estadual Prof.º Abelardo Romero Dantas e estudante de doutorado do Centro de Informática (CIn) da UFPE, recebeu o prêmio do ‘The Duolingo Dissertation Awards Program 2020’ pela sua tese de doutorado intitulada “Modelo de Teoria de Resposta ao Item para Avaliar Síntese e Reconhecimento de Fala”. O TRI é o algoritmo utilizado pelo ENEM para definir a pontuação de cada questão da prova.

Aos 29 anos, ela liderou o grupo de 12 finalistas. O trabalho da acadêmica natural de Riachão do Dantas, orientado pelo professor do CIn Ricardo Prudêncio, foi desenvolvido dentro do projeto de pesquisa e inovação CIn/Motorola, uma parceria composta de vários professores e alunos do Centro, além de profissionais do próprio convênio e da Motorola Mobility.

O programa, que garante apoio e suporte para pesquisas de teses de mestrado sobre o aprendizado de uma segunda língua ou língua estrangeira através da tecnologia, abriu chamada para estudantes de doutorado do mundo todo. Com a premiação, Chaina conquistou um certificado formal e uma quantia de US$ 5 mil.

A quantia deverá financiar a pesquisa da jovem sergipana e ainda servirá às viagens com destino a congressos desenvolvidos pela Duolingo – que poderá aplicar em suas plataformas a tese da doutoranda.