O Papa-Jaca conversou com as assessorias de candidatos à Prefeitura de Lagarto na última quinta-feira (12) sobre um possível posicionamento quanto ao comportamento do deputado federal Fábio Reis (MDB) num ato de campanha realizado no Campo da Vila. O parlamentar, que também concorre no pleito, foi até a casa de uma senhora socialmente vulnerável, eleitora de Hilda Ribeiro (SD), e expôs num carro de som que “você está precisando de uma cirurgia que sei”.

“Sua soberba, precede a derrota.”

O vídeo foi gravado por pessoas da campanha do deputado, que mesmo sem a autorização da moradora, foi compartilhado nas redes sociais. Num trecho do vídeo, a mulher que registra a cena fala “chore não”, demonstrando ainda mais o nível do abalo sentido pela cidadã. Internautas passaram a cobrar uma ação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

A primeira a se manifestar foi a prefeita, que no início do vídeo foi acusada de só se preocupar com “maquiagem cara para ficar bonita” e “bolsa de R$20 mil, R$30 mil”. O comentário virou meme nas redes sociais, um deles produzidos pela página do instagram Lagartense Depressivo. Em resposta, Hilda classificou a fala do rival como “carregada de ódio e soberba”, defendeu a tese de que mulheres podem se preocupar com a beleza mesmo sendo política e prestou solidariedade à senhora. Assista:

O segundo a comentar o caso foi o candidato Nininho da Bolo Bom, do Cidadania. Seu vídeo foi publicado na manhã desta sexta-feira (13) e foi o estopim para que os demais concorrentes também se manifestassem. Na gravação curta, Nininho aconselhou Reis a não humilhar as pessoas e a aproveitar o “embalo” e também “respeitar as mulheres”. “A sua soberba precede o fracasso”, concluiu. Confira:

Logo em seguida, apenas alguns minutos depois, Jorge Prata, do Podemos, fez uma gravação se solidarizando com a senhora. Em sua fala, o candidato chamou ação de Fábio de “elitista”, o que o aproximaria da “extrema-direita radical”.

Por último, no início da tarde desta sexta, o deputado estadual Ibrain Monteiro (PSC), fez um vídeo em seu carro chamando o rival de “playboy” e afirmando que a cirurgia da senhora não teria sido feita em virtude da “incompetência do hospital milionário” gestionado por sua família – em referência ao HNSC. O candidato, que prefere ser identificado pelo nome do pai, aproveitou para criticar a prefeita Hilda, ao dizer que a incompetência supracitada “se assemelha à atual gestão”.