A Universidade Federal de Sergipe conquistou nota máxima em dez cursos no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enfade) 2019, sendo dois deles de Lagarto – Enfermagem e Fisioterapia. Se destacaram também São Cristóvão, com os cursos de Educação Física com habilitação em Ciência da Atividade Física e do Esporte, Engenharia Agronômica, Engenharia Civil, Engenharia Eletrônica e Nutrição; e Aracaju, nos cursos de Enfermagem, Fisioterapia e Fonoaudiologia.

Ao Portal da UFS, o pró-reitor de Graduação da UFS, Dilton Maynard, diz que o resultado é bastante positivo para a instituição. “Dos 32 cursos avaliados, apenas quatro ficaram abaixo da nota 4 e uma quantidade significativa obteve o conceito máximo. Um bom exemplo desse resultado é o curso de Fonoaudiologia (campus de Aracaju), que saiu da nota 2 para 5, o que mostra um grande avanço e envolvimento dos professores e alunos para que esse quadro fosse mudado”.

Dos cursos com desempenho máximo, seis são da área da saúde. Para Adriano Antunes, diretor do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), esse resultado é fruto do empenho e compromisso de todos os chefes de departamentos, professores, técnicos e alunos. “É uma alegria enorme para nós receber a notícia que dos 8 cursos do CCBS avaliados no Enade, 5 receberam a nota máxima e 3 receberam nota 4, estando todos próximos da excelência. Nāo tivemos nenhum curso que diminuiu seu conceito, pelo contrário, todos avançaram muito e nos colocaram numa posição de destaque”, relata.

As graduações de Arquitetura e Urbanismo, engenharias Agronômica, Ambiental e Sanitária, de Alimentos, de Computação, de Produção, Elétrica com habilitação em Eletrotécnica, Mecânica e Química, Medicina Veterinária, Farmácia, Medicina e Odontologia também se destacaram na avaliação do Ministério da Educação (MEC). Todas conseguiram nota 4, considerada ‘muito boa’ na escala que vai de 1 a 5.

A técnica em assuntos educacionais da Divisão de Métodos e Técnicas de Ensino (Dimet), Marluce de Souza, conta que esse resultado demonstra a excelência da qualidade do ensino que é proporcionado pela UFS, que, este ano, foi considerada como uma das melhores do país. “Do total de cursos avaliados em 2019, 87,5% obtiveram conceito 4 e 5, considerados indicadores excelentes. Isso mostra o empenho e o compromisso cada vez mais crescentes da instituição, através das ações da Prograd, dos professores e dos estudantes envolvidos”, conta.

Desempenho anterior

No Enade 2018, foram inscritos 1.945 alunos, sendo 788 ingressantes e 1.157 concluintes. Apenas os cursos Direito, Relações Internacionais e Administração (campus de São Cristóvão) conquistaram conceito 5, sete graduações a menos que o desempenho na edição de 2019.

O Enade integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), composto também pela Avaliação de cursos de graduação e pela Avaliação institucional. Juntos eles formam o tripé avaliativo que permite conhecer a qualidade dos cursos e instituições de educação superior brasileiras. Os resultados do Enade, aliados às respostas do Questionário do Estudante, são insumos para o cálculo dos Indicadores de Qualidade da Educação Superior.