O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou na última sexta-feira (20) – em videoconferência com empresários – que a curva de transmissão do novo coronavírus no Brasil só deve apresentar “queda profunda” em setembro, apresentando alguma redução ainda em agosto.

O sério agravamento do covid-19 no país, mesmo com medidas quase-máximas de isolamento social, apenas comprova a fala do ministro. Nesta quinta-feira (26) os casos confirmados sofreram uma alta de 19,8% – saindo de 2.433 ontem, para 2.915 hoje. As mortes em decorrência de complicações com o vírus foram de 57 para 78.

Em Sergipe, a última adição no quadro de contaminados ocorreu na quarta-feira (25), quando apenas um novo caso foi confirmado. Este, porém, foi considerado comunitário – quando não se sabe a origem da transmissão. Fato acendeu o alerta para a possibilidade de aumento exponencial de casos ainda nesta semana. O Papa-Jaca apurou ainda que das 16 confirmações sergipanas, subiu para três aquelas que se encontram em estado grave.

É nesta esteira que as medidas de contenção e a expectativa de tempo de isolamento estão se estendendo. O governador Belivaldo Chagas, por exemplo, anunciou que o decreto de calamidade pública assinado na última semana teve sua validade prorrogada para o dia 17 próximo – podendo ser novamente adiado.

Em Lagarto, eventos estão sendo cancelados. Entre tantos, sendo aquele que mais concentra pessoas de dentro e fora do município, o Festival da Mandioca não poderia ficar de fora da lista de suspensão. E não ficou. Por meio de nota, a Prefeitura informou que decidiu cancelar a festividade “apesar do planejamento antecipado”. O festival estava marcado para junho.

Leia a nota:

“Diante da pandemia do coronavírus e dos crescentes casos no País, a Prefeitura de Lagarto comunica a decisão de suspender os festejos juninos que seriam realizados pelo Município. Apesar do antecipado planejamento da festividade, a Prefeitura decidiu cancelar o evento que, obviamente, iria reunir uma multidão de pessoas no mês de junho.

Mesmo faltando quase três meses para as festas juninas, a Prefeitura de Lagarto mantém o compromisso com a Saúde dos cidadãos lagartenses e seguirá à risca todos os protocolos da Organização Mundial de Saúde e do Ministério da Saúde.

No mais, a Prefeitura de Lagarto pede que a população compreenda o momento delicado que o Mundo vive. E, desde já, agradece o empenho de todos que estão em isolamento social.”

Prefeitura de Lagarto