Larissa Pavani Santos, 16 anos, é a primeira sergipana a conquistar uma bolsa parcial na Universidade de Cambridge, na Inglaterra, e tem até esta terça-feira (15) para dar uma resposta à instituição. De Itabaiana, a garota, que no momento participa do programa Jovens Embaixadores (EUA), afirma não ter condições de custear as 1.150 libras restantes – cerca de R$ 5.000.

De acordo com a secundarista, a descoberta pelos cursos de verão e de primavera abertos anualmente na universidade foi feita através da Internet. “Tenho muito interesse em estudar no exterior. Sempre procuro oportunidades de bolsas em sites e acabei encontrado essa”, disse.

Nomes como Isaac Newton e Charles Darwin passaram pela universidade. (Foto: Reprodução)


“Eles ofertam cinco bolsas integrais para estudantes de todo o mundo, porém eu não consegui uma delas. Mas como gostaram da nossa conversa e da minha avaliação me ofertaram uma bolsa de 50%, o que equivale a 1.150 libras”
– explicou Larissa

Após a inscrição a estudante da Escola Estadual Murilo Braga disse que passou por processos de seleção. O primeiro foi uma redação, em inglês, seguida de um vídeo, também na língua estrangeira, onde fazia uma apresentação pessoal falando um pouco da sua vida e rotina de estudos. Além disso, foram analisados o currículo da estudante e uma carta de apresentação de uma professora da escola. E somente em uma última etapa ela conversou, por videoconferência, com representantes da universidade.

A estudante não teve problemas com a barreira da língua, pois além de estudar sozinha contou com ajuda dos professores na escola. “Aprendi inglês com vídeos e livros na Internet e na escola eu aproveitava para tirar as dúvidas”.

Apesar de feliz com a conquista Larissa ainda não sabe se vai poder participar do curso, que é pré-universitário e tem a duração de duas semanas. “Ainda não tenho certeza se eu vou poder cursar, pois não tenho condições financeiras de custear os outros 50% e preciso dar uma resposta até o dia 15 de janeiro”, lamentou.

A mãe da estudante, Elaine Aparecida Pavani Santos, destacou o esforço da filha e disse que espera que a ajuda financeira possa chegar para que ela alcance o seu objetivo. “Ficamos muito felizes. Ela se dedica muito para estudar e temos fé que ela vai conseguir realizar esse sonho. É um valor alto para a nossa família, mas esperamos conseguir ajuda para que ela possa ter essa conquista”, finalizou.

Texto original de G1 SE

Edição e adições por O Papa Jaca