Na última terça-feira (7) a deputada estadual lagartense Goretti Reis (PSD), juntamente ao jornalista e seu assessor, Iuri Rodrigues, apresentaram um artigo na Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS, região metropolitana de Porto Alegre (RS), dentro de uma proposta interdisciplinar, sobre gênero, do Seminário Internacional de Processos Sociais.

O objetivo do evento seria abrir um diálogo sobre o conceito de ‘midiatizar’ a partir das tensões geradas entre perspectivas diversas da sociedade. O evento “se propõe a buscar o ‘estado da arte’ das pesquisas que versam sobre o tema”, afirma o texto institucional do seminário.

O tema escolhido pela dupla foi uma pesquisa sobre a instalação da Procuradoria da mulher na Assembleia Legislativa de Sergipe (ALESE). O título do artigo, em si, já mostra qual foi olhar aplicado na construção do texto científico: “A Procuradoria Especial da Mulher como resposta à invisibilidade feminina em Sergipe sob uma narrativa midiática”.

O trabalho teria como proposta “analisar e discutir a criação da Procuradoria como um órgão essencial para aprofundar e buscar mais espaço de protagonismo feminino”, conta Iuri ao O Papa-Jaca, na ocasião da aprovação do artigo em março.

Para a deputada, “o artigo vai mostrar como a Casa Legislativa está inserida em discussões mais efetivas sobre as questões de gênero, na promoção, prevenção e participação da mulher, além da luta contra a violência, na construção de uma sociedade mais igualitária em que mulheres e homens tenham os mesmos direitos, atuando contra todas as formas de discriminação”, pontua ao O Papa-Jaca. O que chama a atenção é a deputada e o jornalista foram os únicos sergipanos com trabalho aprovado e, consequentemente, apresentado.

Entre os pesquisadores, estão renomados professores internacionais, como: Andreas Hepp  – Universität Bremen; Bernard Miege – Université Grenoble-Gresec; Mario Carlon  – Universidad De Buenos Aires; Mihaela Alexandra Tudor – Université Paul Valéry Montpellier; Natalia Raimondo Anselmino- Universidad Nacional De Rosario; Stefan Bratosin  – Université Paul Valéry Montpellier. NACIONAIS: Maria Immacolata Vassalo de Lopes – USP; Jacques Alkalai waimberg – PUC/RS; Andre Lemos – UFBA; Lucrecia Ferrara – PUC/SP; Tiago Quiroga – UNB; Ada Cristina Machado Silveira – UFSM. O debate dá prosseguimento a duas edições já realizadas (2016 e 2018).